Jornalista Gilberto Dimenstein morre aos 63 anos, em SP

Morreu na manhã desta sexta-feira (29), o colunista e escritor Gilberto Dimenstein, de 63 anos, em São Paulo. Gilberto lutava contra um câncer no pâncreas, com metástase no fígado, desde 2019.

O falecimento do jornalista foi informado hoje, Gilberto foi o idealizador do portal Catraca Livre. Além disso, Dimenstein também já foi comentarista da Rádio CBN e colunista da Folha de S. Paulo onde atuou por 28 anos.

Logo depois, o perfil do Catraca Livre (criado por Dimenstein) compartilhou uma postagem nas redes sociais confirmando a morte do escritor. Confira essa e outras matérias aqui no Estado News.

Gilberto Dimenstein: Vida e Carreira

Jornalista Gilberto Dimenstein morre aos 63 anos, em SP
Jornalista Gilberto Dimenstein morre aos 63 anos, em SP

Gilberto Dimenstein nasceu em 28 de agosto de 1956, em SP, filho de uma paraense de ascendência marroquina, e de um pernambucano de origem polonesa. Formou-se em jornalismo na Faculdade Cásper Líbero em SP.

Em 2007, o jornalista foi apontado pela revista Época como uma das cem figuras mais influentes do País por suas reportagens sobre temas sociais e experiências em projetos educacionais.

Posteriormente, criou a Catraca Livre em julho de 2009, quando sentiu a necessidade de agrupar, em uma única plataforma, os eventos culturais gratuitos da cidade de São Paulo.

Por fim, Gilberto deixa sua esposa Anna Penido, também jornalista, -com quem escrevia um livro sobre o câncer que lutava a cerca de nove meses- e viveu junto por vinte anos, seus dois filhos, um de 32 anos e o outro de 29.

https://www.youtube.com/watch?v=8Z-9QsCLxco
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade e nossos termos de uso Aceitar Ler Política