PSG faz nova oferta milionária por Endrick e Estevão, mas Palmeiras rejeita

Palmeiras rejeita oferta do PSG de R$ 436 milhões por Endrick e Estevão

Esta é a terceira proposta só neste mês. Crias de base do Palmeiras seguem em alta junto a clubes da Europa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na última segunda-feira (21), o Palmeiras recebeu uma proposta do Paris Saint-Germain (PSG) para abrir mão de Endrick, de 16 anos, e Estevam, de apenas 15 anos. O clube francês ofereceu cerca de R$ 436 milhões por ambos.

No entanto, o Verdão rejeitou a proposta, considerando o valor insuficiente para cobrir a multa rescisória de Endrick, que foi estabelecida em cerca de R$ 327 milhões, o que impactou ainda mais no valor de Estevam, que cairia para menos de R$ 110 milhões, considerado pouco.

Vale lembrar que apenas Endrick atingiu a idade mínima para firmar um contrato profissional com o Palmeiras. Enquanto isso, Estevão só poderá firmar o vínculo em abril do próximo ano. Porém, para ambos atuarem fora do país, a idade mínima exigida é de 18 anos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sem Scarpa, Palmeiras mantém foco nos garotos da base

Com o final da temporada, o Palmeiras volta a normalidade após a saída de Gustavo Scarpa, que deixou o Verdão para prosseguir com o Nottingham Forest, da Inglaterra. No quadro geral, o foco principal do clube neste momento é a formação que a equipe deve assumir em 2023.

Para a direção do Palmeiras, três nomes devem ser selecionados para atuar no elenco do alto escalão. E, segundo a presidente Leila Pereira, antes de ir ao mercado buscar nomes, os meninos da base devem ser prioridade.

Durante evento realizado em Portugal, o técnico Abel Ferreira fez o seguinte comentário: “Ultimamente fala-se muito do Endrick, já se falou do Veron e do Danilo. Fiquem atentos aos nomes do Estevão e do Guilherme, vão ouvir falar muito deles também“, ressaltou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Anteriormente, ao AS, da Espanha, João Paulo Sampaio, coordenador de base do Palmeiras, não poupou elogios sobre Luis Guilherme: “Ele é muito técnico e ainda mais rápido que Endrick, porque chegou a 37,2 km/h no torneio Sub-17 de Montaigu, na França, no qual o Brasil derrotou a Argentina por 2 a 1 na final de abril com gols de Endrick e Luis Guilherme.”

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
Gerson pode ser contratado pelo Flamengo em 2023

Flamengo persiste em duras negociações por volta de Gerson

Next Post
Em casa, Rodinei, do Flamengo, vira garoto propaganda da Habibs na Copa do Mundo do Catar

Balançado no Flamengo, Rodinei vira estrela em propaganda

Related Posts