Estado News Logo Oficial

Santos trava embate contra o Palmeiras por contratação de Jorge

Atacante pretende voltar a jogar na Vila Belmiro após sofrer com invisibilidade no Palmeiras. Leila abre jogo sobre novos reforços.
Sem chance no Palmeiras, Jorge pode embarcar no Santos em 2023
Sem chance no Palmeiras, Jorge pode embarcar no Santos em 2023

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na mira do Santos, o atacante Jorge, de 26 anos, pode finalmente deixar o Palmeiras com rumo definido em 2023. Em desuso no Verdão, o jogador aparece livre para firmar negócios e pode sair bem antes do que se imagina.

O principal interesse de Jorge tem sido voltar a atuar na Vila Belmiro, onde participou de 34 jogos, mas acabou saindo após um desentendimento com Sasha, durante uma disputa contra o São Paulo, que acabou em agressão.

Para conquistar o reforço, Andrés Rueda, presidente do Santos, espera pagar cerca de 30% dos seus vencimentos mensais, sendo que os outros 70% devem ficar por conta do Palmeiras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por ora, os negócios seguem em andamento. A única certeza é a saída de Jorge, que não tem mais espaço no Verdão e segue esperando por uma sinalização do Peixe.

Palmeiras busca três nomes no mercado para embarcar no elenco

Apesar de ter forte confiança nos crias da Academia de Futebol, Leila Pereira, a presidente do Palmeiras, deixou escapar que está em busca de três nomes para reforçar o elenco do técnico Abel Ferreira no próximo ano.

O esperado é que o Palmeiras traga três novos nomes para ocupar as posições de volante, meia e ponta. No entanto, só serão contratados jogadores de fora caso os atletas da base não apresentem os resultados esperados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por outro lado, quem deve deixar o clube por espontânea vontade é o zagueiro Kuscevic, de 26 anos. O chileno, que vem atuando como reserva, deve permanecer ao lado do Verdão até o fim desta temporada, mesmo possuindo uma boa relação com o Palestra.

Durante entrevista, Abel falou um pouco sobre o jogador: “Temos os dois melhores zagueiros do Brasileirão, disparados. Com essa qualidade, difícil ter espaço. Kuscevic e Luan sempre deram resposta. Kuscevic é estrangeiro e sobra para ele, mas dá resposta top quando joga. É sinal do trabalho dele e todo o grupo reconhece. Não é um capitão, mas é um líder do grupo“, comentou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE