Flamengo comemora no Rio a conquista da Libertadores e da Copa do Brasil

Torcida do Flamengo entra em conflito durante festejo no Rio

Em cima de trio elétrico no centro do Rio, jogadores do Flamengo exibem Taça da Libertadores e Troféu da Copa do Brasil para a torcida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No último domingo (13), o Flamengo esteve nas ruas do Centro do Rio em comemoração a conquista da Copa Libertadores e da Copa do Brasil. O evento contou com a participação de jogadores e de milhares de torcedores. Durante o percurso, houve briga generalizada e bombas de efeito moral foram disparadas pela PM.

A confusão se deu no início da tarde, por volta das 13h, horário próximo ao fim do evento, quando brigas começaram a tomar conta da rua Presidente Antônio Carlos. Em meio a situação, a polícia militar disparou bombas para dispersar a torcida e conter os ânimos. Segundo a PM, cinco policiais ficaram feridos durante a ação, e foram socorridos ao Hospital Centro da Polícia Militar.

Vídeos divulgados nas redes sociais também mostram torcedores invadindo uma loja de eletrônicos localizada no centro. Homens saiam correndo de dentro da loja carregando aparelhos que ainda estavam lacrados em caixas. Segundo a PM, dois homens acabaram sendo presos após o ocorrido.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O tumulto só chegou ao fim após Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Gabigol pedirem para que a multidão interrompessem as brigas. De acordo com a Secretarial Municipal de Saúde, cerca de 30 pessoas deram entrada com ferimentos diversos por conta da confusão envolvendo o evento.

Flamengo celebra conquista de Taça da Libertadores e Troféu da Copa do Brasil

Flamengo comemora no Rio as conquistas da Libertadores e da Copa do Brasil
Flamengo comemora no Rio as conquistas da Libertadores e da Copa do Brasil Imagem reprodução

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em clima de comemoração, Marcos Braz, vice-presidente do Flamengo, e Landim fizeram a passagem pública da consagrada camisa 10, que pertencia a Diego até então, aposentado após o duelo contra o Avaí. Quem recebeu em mãos foi Gabriel Barbosa, que se tornou o novo detentor do número.

Em discurso emocionado, Braz declarou: “Vem com a mística do número 10 do Flamengo, com a história do número 10 do Flamengo, do maior de todo que foi o Zico. Vem junto a responsabilidade de usar 10. Parabéns! Boa Sorte!

Em resposta ao presente, Gabigol disse: “É um prazer enorme usar a 10 do Zico e também do Diego. Só queria falar uma coisinha muito simples: ‘Diego!’ Falei para ele isso ontem, eles encerram, mas são eternos. Vão ficar marcados na história do clube e também nas nossas vidas, dos jogadores. Esses caras são fenômenos. Tive muita honra de usar a camisa do Zico e também do Diego

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
Corinthians x Atlético-MG

Jogo Do Corinthians x Atlético-MG Hoje (13): Onde Assistir Pelo Brasileirão

Next Post
Palmeiras é destaque em premiação da Bola de Prata deste ano

Palmeiras domina entrega do prêmio da Bola de Prata deste ano

Related Posts